27/07/17

logo-informativo.jpg-melhorado-PARA-PORTAL

Campos dos Goytacazes, quinta, 27 de julho de 2017. Nº 3.705

UENF será parceira do II Festival Doces Palavras

O reitor da UENF, Luís Passoni, recebeu na manhã da última quarta-feira, 26/07/17, integrantes da organização do Festival Doces Palavras (FDP!) e garantiu a participação da Universidade no evento. Realizado pela Prefeitura de Campos, com promoção e curadoria da Associação de Imprensa Campista (AIC) e da Academia Campista de Letras (ACL), o Festival será realizado de 20 a 24/09/17 no Jardim do Liceu, em Campos.

Estiveram presentes a presidente da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima, Cristina Lima; o chefe de Gabinete da Fundação, Pedro Bessa; o presidente da AIC, Vitor Menezes; e o presidente da ACL, Hélio de Freitas Coelho. Pela Universidade, também participou o diretor da Editora UENF, Leonardo Miguel.

Uma das dificuldades da UENF refere-se à vigilância e limpeza do prédio durante o evento, principalmente no final de semana. Os organizadores do Festival informaram que estão articulando uma possível colaboração, neste sentido, dos órgãos responsáveis por estes serviços na Prefeitura: a Guarda Municipal e a Superintendência de Limpeza Pública.

-A utilização interna do prédio não podemos garantir, mas os jardins da Villa com certeza estarão à disposição – disse o reitor. A ideia é que a UENF, assim como as demais instituições envolvidas, tenha sua própria programação. Durante a reunião, foi sugerido que a UENF exponha alguns dos trabalhos científicos apresentados durante o Congresso de Iniciação Científica (CONFICT). Outra ideia é a colocação de uma tenda da Eduenf na praça do Liceu.

O FDP! é um evento bienal, cuja primeira edição ocorreu em 2015. O Festival, considerado uma espécie de lado mais informal da Bienal do Livro, ocorre nos anos ímpares, enquanto a Bienal é realizada nos anos pares. Seu foco é a literatura campista e regional, associado à produção doceira da cidade. O objetivo do evento é estimular o espírito crítico, a leitura, a produção literária e a identidade campista.

 

Villa Maria contemplada com DVDs sobre índios Xavantes

A Casa de Cultura Villa Maria foi contemplada com uma caixa de DVDs “Cinema nas Aldeias Xavante: ver, ouvir e debater” no Edital proposto pela Coordenação Regional Xavante da Fundação Nacional do Índio. A caixa foi doada a instituições que têm interesse em desenvolver atividades socioeducativas.

O material ficará depositado no Setor de Documentação Audiovisual da CCVM e estará à disposição, para empréstimo, para professores e pesquisadores da Universidade que tenham interesse em desenvolver atividades, utilizar em sala de aula, e outros.

A caixa de DVDs foi produzida pela Coordenação Técnica Local em Nova Xavantina/MT, dentro do projeto “Cinema nas Aldeias Xavante: ver, ouvir e debater” de 2015, com apoio do Museu do Índio. Tal projeto realizou sessões de cinema itinerante em aldeias xavante da Terra Indígena Parabubure, em Campinápolis/MT, e distribuiu esta caixa com filmes indígenas para todas as escolas indígenas das nove Terras Indígenas Xavante, em parceria com as Secretarias Municipais e Estadual de Educação.

A caixa consiste em 6 (seis) DVDs contendo os 7 (sete) filmes indígenas a seguir:

DVD 1: A’uwẽ Uptabi – O Povo Verdadeiro (32”, Brasil, 1998)

DVD 2: Piõ Höimanazé – A Mulher Xavante em Sua Arte (52”, Brasil, 2008)

DVD 3: Tsõ’rehipãri – Sangradouro (28“, Brasil, 2009)

DVD 4: Índio Cidadão? (52”, Brasil, 2013)

DVD 5: Homem Branco em Marãiwatsédé (12”, Brasil, 2011) – A Terra Não Termina (15”, Brasil, 2012)

DVD 6: Uma Casa Uma Vida (24”, Brasil, 2013)

Veja a sinopse dos vídeos aqui.

Veja também o resultado do edital, com as instituições contempladas, aqui.

Cientista português profere palestra na UENF

O professor catedrático da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, Miguel Castanho, proferiu palestra na UENF na última terça-feira, 25/07/17, sobre o tema “Peptídeos naturais como fármacos e nutracêuticos contra metástases cerebrais de tumores”.

A vinda do pesquisador foi uma iniciativa conjunta dos Programas de Pós-Graduação Biociências e Biotecnologia (PGBB) e Genética e Melhoramento de Plantas (PGGMP) da UENF.

O professor Miguel é licenciado em Bioquímica pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e doutorado em Biofísica Molecular pela Universidade Técnica de Lisboa.

Sua linha de pesquisa envolve a investigação na área de desenvolvimento de novos fármacos para combate à dor, à doença de Alzheimer, a alguns tumores, e a vírus como o HIV e Dengue.

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF)

Gerência de Comunicação (ASCOM)
Av. Alberto Lamego, 2.000 – Parque Califórnia – Campos (RJ)
Telefones: Ascom: (22) 2739-7815 / 2739-7813
Reitoria: (22) 2739-7003
Email: uenf@uenf.br
Gerente de Comunicação: Marco Antônio Moreira