03/12/14

Informativo da UENF

Campos dos Goytacazes, quarta, 03 de dezembro de 2014 – Nº 3.280

Biodigestor vai transformar dejetos suínos em energia

Projeto da UENF, com apoio da Queiroz Galvão e Jordão Engenharia, será inaugurado nesta quinta, 04/12, no assentamento Josué de Castro

biodigestor

Visita feita à UENF em 14/02/14 pelos diretores dos grupos Queiroz Galvão e Jordão Engenharia para conhecer o bioigestor.

Gerar energia elétrica a partir da degradação de dejetos suínos. Este é o principal objetivo do biodigestor que será inaugurado nesta quinta-feira, 04/12/14, às 10h, no assentamento Josué de Castro, em Seis Marias, Morro do Coco. Coordenado pelo professor Paulo Nagipe, do Laboratório de Ciências Químicas (LCQUIS) da UENF, o projeto prevê ainda a produção de biofertilizante. O projeto foi financiado pela Queiroz Galvão, com apoio da Jordão Engenharia e já conta com aprovação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

— Além de gerar emprego e renda na comunidade, o projeto visa a melhoria de vida para as famílias assentadas, através de inserção nas atividades ligadas ao agronegócio, transformando terras improdutivas em produtivas— diz Nagipe, que também atua na UENF como pró-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários.

Segundo o professor, o uso do biofertilizante poderá aumentar a produção no assentamento, que atualmente é de apenas oito a dez toneladas de aipim por hectare. A baixa produção, de acordo com Nagipe, está ligada à má qualidade das terras.

— São terras devastadas pela monocultura e pelo manejo inadequado através das queimadas, com mais de 300 anos de exploração de cana-de-açúcar. Com o uso do biofertilizante para correção do solo e combate às pragas é possível atingir até 40 toneladas de produção por hectare, sem contar que podem ser inseridas no processo outras culturas como milho, soja, sorgo e varias outras, trazendo benefícios não só para o assentamento, mas para toda a região — afirma.

Segundo Nagipe, a principal finalidade do biogás é a geração de energia para consumo interno. No entanto, a produção também pode ser destinada à criação de novas tecnologias para uso rural, bem como utilização em maquinas agrícolas adaptadas como picadeiras, bombas de agua e misturadores, além de envasamento em botijão para uso domiciliar. Mas para estes fins são necessários maiores investimentos em pesquisa e em segurança. 

Spin 0ff da UENF é finalista no Prêmio ANP de Inovação Tecnológica 2014

spin off

Da esquerda para a direita:Elias Ramos de Souza, superintendente Pesquisa e Desenvolvimento da ANP; Igor Braga, Fernando Moraes; Magda Chambriard, diretora Geral da ANP; José Fernando Rosalba; Sergio Adriano Oliveira; Carlos Dias; Helder Queiroz, diretor da ANP; e Ronaldo Paranhos.

Na última sexta-feira, 28/11/14, representantes da UENF estiveram presentes à solenidade de entrega do “Prêmio ANP de Inovação Tecnológica 2014”, realizada no Rio de Janeiro. Na ocasião, a empresa Invision, spinoff da UENF, participava entre as três finalistas selecionadas na Categoria II – Inovação Tecnológica desenvolvida no Brasil por micro, pequena ou média empresa fornecedora em colaboração com empresa petrolífera.

Pela UENF, estiveram presentes o diretor da Agência UENF de Inovação, professor Ronaldo Paranhos; os pesquisadores do Laboratório de Engenharia de Exploração de Petróleo (LENEP), professoresFernando Moraes e Sérgio Adriano Oliveira; além do empreendedor Igor Braga, diretor executivo da Invision.

A Invision participou da premiação com o projeto “Desenvolvimento de software de processamento sísmico especial e inversão de AVO de alta resolução”, que contou com a parceria da Petrobras/Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras (Cenpes). Esta também esteve representada no evento pelo geofísico José Fernando Rosalba, gerente de Caracterização e Modelagem de Reservatório do Cenpes.

A Invision foi fundada em 2007, tendo como idealizadores os professores do LENEP Fernando Moraes, Luiz Loures (atualmente na Statoil) e Sérgio Adriano Oliveira, e como empreendedor, Igor Braga, à época aluno de doutorado no LENEP, aproveitando parte do trabalho de pesquisa desenvolvido pelo grupo de geofísica de reservatório. Igor Braga fez seu mestrado e doutorado junto a este grupo e iniciou o projeto da empresa a partir do conhecimento adquirido na UENF. A Invision participou como empresa incubada na Tec-Campos, durante a fase de amadurecimento do negócio, graduando-se na incubadora em 2011.

— Este é um caso bem sucedido de geração de spin off na UENF. Merece destaque o processo de transferência de conhecimento da academia para a sociedade. Pesquisas que foram desenvolvidas na UENF se transformam em patentes, softwares e tecnologias, gerando oportunidades de negócios para empresas de base tecnológica, que são apoiadas pela incubadora de empresas, que passam a atuar no mercado com produtos e serviços inovadores, de elevado conteúdo tecnológico — disse Paranhos.

Teste rápido da AIDS até as 17h na UENF

panfletagem aids

Panfletagem na entrada do campus da UENF (Foto: Alexsandro Cordeiro)

Para marcar o Dia Mundial de Combate à AIDS, integrantes do Programa DST-AIDS/UENF  realizaram na última segunda-feira, 1º/12/14, panfletagem na entrada do campus Leonel Brizola. E nesta quarta-feira, 03/12/14, toda a comunidade universitária pode realizar gratuitamente o teste rápido da AIDS/DST. A testagem está sendo realizada na sala do ambulatório médico e de enfermagem da Prefeitura da UENF, com atendimento previsto até as 17h.

As atividades estão sendo realizadas em parceria com o Programa Municipal DST/AIDS-CDIP. Segundo a assistente social Maria Helena Barros Barbosa, que coordena o programa na UENF, para fazer o teste o único requisito é não comer alimentos gordurosos antes do exame.

– Nosso objetivo é realizar o maior número de testagem de HIV, como uma estratégia de prevenção importante na redução da cadeia de transmissão do vírus – diz.

A programação também está sendo levada às comunidades onde são realizados os projetos da UENF nesta área: Matadouro, Vila dos Pescadores (Farol de São Tomé) e Chatuba.

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Para solicitar os serviços de divulgação da ASCOM, clique aqui e preencha o formulário on-line.

Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF)

Diretoria de Informação e Comunicação (DIC) / Gerência de Comunicação (ASCOM)
Av. Alberto Lamego, 2.000 – Parque Califórnia – Campos (RJ)
Telefones: Ascom: (22) 2739-7119 /8841-2139
Reitoria: (22) 2739-7003
Disque-Uenf: 0800 025 2004 (ligação gratuita)
Jornalista: Fulvia D’Alessandri
Publicitário: Felipe Moussallem